Quer falar comigo?

Quer me pergunta algo? Quer troca umas ideias? quer seu banner aki? email: selmopacheco420@hotmail.com

segunda-feira, 31 de maio de 2010

VAle ler,e assitir o clip no final!

Afro samuray O ANIME!


fro Samurai (em japonês: アフロサムライ Afuro Samurai?) é um mangá japonês (dōjinshi) criado por Takashi Okazaki, publicado inicialmente na revista Nou Nou Hau[1]. Foi adaptado em um anime de 5 episódios, com direção de Fuminori Kizaki e produzido por Gonzo, um estúdio tradicional de animação. O primeiro episódio estreou online em 1º de Janeiro de 2007, e foi ao ar na Spike TV em 4 de Janeiro de 2007, às 11 horas da noite (horário dos EUA). Desde então, a série foi ao ar no Canadá, no Reino Unido, nos EUA, onde foi televisionado pela Spike TV[2], e no Japão, onde foi televisionado pela Fuji Television. Também estreou na MTV da Australia, em Agosto de 2007.[3]
No anime, há a participação do famoso ator americano Samuel L. Jackson, dublando a voz do protagonista e de seu parceiro, além de ser um dos co-produtores. Também participam Ron Perlman e Kelly Hu, dublando outros personagens. O integrante do grupo Wu-Tang Clan, RZA, produziu a trilha sonora original em ritmo hip hop,[4] que foi lançada em CD pela Koch Records em 30 de Janeiro de 2007, nas versões editada e sem corte.
A série foi licenciada para distribuição norte-americana pela Funimation, que lançou duas versões: a versão televisionada da Spike TV e a versão de diretor em DVD e Blu-Ray. Ambas as versões em DVD foram lançadas em 22 de Maio de 2007, enquanto a versão Blu-Ray só seria lançada em 26 de Agosto do ano seguinte. No Reino Unido, uma edição limitada da emissora Bravo, equivalente à edição americana da Spike TV, foi lançada em 2 de Julho de 2007. Uma versão de diretor, com novo trabalho de arte, foi lançada posteriormente em 12 de Outubro de 2007. Uma segunda edição da Bravo, com um trabalho de arte similar ao da versão de diretor, foi lançada em 21 de Março de 2008.
O jogo de Afro Samurai foi elaborado pela Namco Bandai Games e lançado em 27 de Janeiro de 2009. [5]

[editar] Enredo

Info Aviso: Este artigo ou seção contém revelações sobre o enredo (spoilers).
A história do anime se passa em um "Japão feudal futurístico e pós-apocalíptico", onde, aquele que conseguir a bandana simbólica de "Número Um"(o homem mais forte do mundo) , irá comandar o mundo, como um "deus". Alguem se torna o Número Um matando o antigo Número Um e tomando sua bandana. Entretanto, somente aquele que tiver a bandana de "Número Dois" tem direito de desafiar o Número Um. Por sua vez somente o número três pode desafiar o número dois, e assim por diante até o número sete, onde todos podem desafia-lo. Mas isso muda quando o novo número um tem todas as outras bandanas, exceto a de número dois (sob domínio de Afro), então todos podem desafiar o número dois e somente o número dois pode desafiar o número um deixando a missão de Afro quase impossível. Quando alguém completar as sete bandanas, ninguém poderia desafia-lo, mas nada impede de que alguém mais forte o mate e roube as bandanas.
Quando criança, Afro teve seu pai (que era o Número Um) assassinado bem em sua frente pelo pistoleiro "Justice" que passou a ser o novo Número Um. Agora Adulto, Afro Samurai, é o atual Número Dois, e viaja pelo mundo em busca de vingança,passando por cima de qualquer impecílho pelo actual Número Um que matou seu pai.


Afro Samurai
アフロサムライ
(Afuro Samurai)
Gênero Samurai, Ação
Mangá
Autor Takashi Okazaki
Editora(s) Seinen
Revista Japão Nou Nou HauJapão Dōjinshi NNH
Brasil Panini Group
Data de Publicação Setembro de 1999 - Maio de 2000
Volumes 2
Anime
Direção Fuminori Kizaki
Jamie Simone
Estúdio Japão Gonzo &
Estados Unidos Studiopolis
Exibição original 4 de Janeiro de 2007 - 1º de Fevereitro de 2007
Emissoras de TV Japão Fuji Television
Estados Unidos Canadá Spike TV
Reino Unido Adult Swim/Bravo
Austrália MTV
Brasil MTV
França Canal+
Polónia Canal+ Poland
Rússia 2×2
Nº de episódios 5
Filme
Afro Samurai: Resurrection
País Japão
Ano de Lançamento 2009
Cor Colorido
Duração 100
Diretor Fuminori Kizaki
Jamie Simone
Estúdio Japão Gonzo &
Estados Unidos Studiopolis
Roteiro Yasuyuki Mutou
Josh Fialkov
Eric Calderon
"Uma palhinha aki do Afro samura!"

Brasil e Japão.Quero minha Japa! Piada inteligente abaixo!

sexta-feira, 28 de maio de 2010

quinta-feira, 27 de maio de 2010

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Um salve Pra quem ta me Assistindo!

O corintiano com olhar fixo e água oxigenada no cabelo curto se transformou no verdadeiro fenômeno corintiano do ano.A curta fala virou vinheta do Pânico em meio a reportagens de todos os tipos. Virou hit na internet. Ficou famoso, hoje em dia é amado pelas crianças,ovacionado pelos adultos,aclamado pelo povo!
Marcos da Silva Heredia o famoso zina é uma paixão nacional !
um salve pro zina do cuchila blogspot e a todos os seus leitores!


Eu,Vinícius Pachecheco empolgado pelo sucesso excepcional do nosso amigo zina resolvi prestar uma homenagem no vídeo abaixo!


DEIXE SEU SALVE NOS COMENTÁRIOS!

sábado, 22 de maio de 2010

vale a pena um click!

Centenário Chico Xavier 2010 
Clike na foto Dele e visite o site oficial!



http://www.100anoschicoxavier.com.br/

BaTalha doVocê é tão feio!

Aki estou contra Gleisson meu parceiro ,isso mesmo EU o Dono do blog numa batalha,
BATALHA do vc e tão feio....Trapaceiro kkkk
Basta clicar no link abaixo ,link é essa paradinha azul ae  ou enttão clicar na minha Foto!


sexta-feira, 21 de maio de 2010

Alistese -Já!

Eu preciso de você 
criticas,elogios ou sugestões poste nos comentarios aki abaixo:

Pra ser meu seguidor!!
CLIKE AE EM SEGUIR NUM CUSTA NADA!
INUMERAS NOTICIAS NOVAS POR DIA!
ALISTE -SE JA NO CUCHILA BLOGSPOT

Joga Bonito!

Ronaldo e Brilha Muito No corintia!

 

Definição de Legendário

Classe gramatical de legendário: Substantivo masculino e Adjetivo
Separação das sílabas de legendário: le-gen--ri-o
Plural de legendário: legendários
Possui 10 letras Possui as vogais: a e i o Possui as consoantes: d g l n r Legendário escrita ao contrário: oirádnegel

Governo Federal!

Eu Discordo!

O Homem Mais Inteligente do Mundo Atual

|
Grigori Perelman é talvez o homem mais inteligente do planeta: um gênio enigmático e dado a enclausurar-se que assombrou o mundo acadêmico ao afirmar ter resolvido um dos problemas mais difíceis da matemática, o Teorema de Poincaré.

Em 2006 o congresso de matemática realizado em Madri, da União Matemática Internacional concedeu a Grigori Perelman, a Medalha Fields, considerado o Nobel da matemática por seu trabalho. Perelman foi convidado, mas não compareceu ao evento.

Também recusou o prêmio de 782.000 euros oferecido pelo Instituto Clay de Matemática de Cambridge, que seria seu pela resolução do problema. Não recebe à imprensa, nem conversa com seus colegas. A matemática lhe decepcionou e diz que os prêmios são irrelevantes porque se qualquer um pode entender que se a solução do Teorema está correta então há a necessidade de nenhum outro reconhecimento. Perelman recusou vários outros prêmios, porque acredita que as pessoas que lhe ofereciam os prêmios não estavam capacitados para entender seu trabalho.

Perelman é considerado "talvez" o homem mais inteligente do planeta porque nunca se sujeitou a fazer nenhum teste de avaliação de quociente intelectual, inclusive riu e chamou os componentes da Mensa Internacional de "arrogantes que necessitam de elogio".

Os catedráticos, dizem que é um gênio da matemática, que, hoje em dia, como ela não há. Introvertido. Pouco se sabe de Perelman. Os mais próximos asseguram de que desde 2003 está desempregado e vivendo com sua mãe em alguma localidade próxima a Leningrado. Sua demonstração matemática lhe constrangeu tanto, segundo afirmam, que decidiu deixar a matemática profissional e abandonou o Instituto de Matemática Steklov.

Agora, um blogger russo, segundo contam no bom site English Russia, assegura ter visto Perelman no metrô de São Petersburgo e enviou algumas fotografias.


Não há maior solidão do que a do náufrago numa ilha deserta, e assim se sente quem possui uma preciosa linguagem e ninguém mais o compreende. Gregori Perelman compreende e fala uma linguagem especial, mas não encontra interlocutor com o qual possa entender-se. Está em absoluta solidão.

Talvez, encontre expressões numéricas na natureza, essas que regem as leis de tudo o que foi criado, porque tudo é matemática, ainda que só algumas possam assim ser enunciadas. De seu grau mais alto, o homem mais inteligente do mundo, não pode falar com ninguém. Os gênios parecem anti-sociais. É difícil comunicar-se com eles, mas lhes devemos os grandes saltos para o futuro. No século passado, devemos em parte a Einstein e sua teoria da relatividade. Neste, a Perelman.

Recomendo! Fortemente Eu jogo e sou viciado! LVL 91/midranda/alfa!



"Descubra este RPG online e viva num mundo completamente diferente e repleto de possibilidades."
Priston Tale é um MMORPG - Massively Multi-player Online Role-Playing Game - o que significa que você jogará simultaneamente com milhares e milhares de pessoas do mundo todo. O download é um pouco longo, mas compensa, pois este jogo tem qualidade semelhante aos melhores jogos comerciais existentes no mercado. Os gráficos são realmente incríveis e a jogabilidade é excepcional.

Quem começa a jogar logo fica fascinado com as possibilidades existentes neste mundo virtual, você pode fazer amizades, formar clãs, trabalhar e até mesmo roubar, mas cuidado, como no mundo real os ladrões também não são bem vistos em Priston Tale.



Pelé! é o cara!

 

Quer este Selo no teu blog?inscreva -se nos comentários!

Selo do cuchila Chuck Norris Blog de Humor
Selo que o cuchila's Blog premia blogs de humor de peso!
Proucurando parcerias
interessados add no msn :
selmopacheco420@hotmail.com
Inscreva-se nos comentários!!!

Como os Adolescentes aprendem sobre sexo?

Eis aqui como os adolescentes aprendem sobre sexo

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Ta ouvindo? 24170 japonês e brasileiro nô?

Oração Do Blogueiro!


Blog nosso que estais no ar
Muito visitado seja esse blog
Venha a nós novos visitantes
Esteja no ar o editor do blog
Assim de manhã como de noite
A criatividade de cada dia nos dai hoje
Perdoai a nossa preguiça
Assim quando nós copiamos e a quem nos tem copiado
E não nos deixei desanimar de ser blogueiro
Mas livrai-nos dos vírus.

Amém..e pode beber também que não faz mal pra ninguém !!!

TAmo aí na atividade

Esta música me inspira cada  manhã então espero que inspire vcs Caros Leitores!

Fonte wikipédia

História

[editar] Começo de carreira

Em 1987, o então adolescente paulistano de 17 anos de idade Alexandre Magno se mudou para Santos, litoral de São Paulo, após uma infância difícil e traumática. Era mais conhecido pelo apelido de Chorão, passou a se interessar pela prática do skate. Um dia, em um bar local, substituiu por acaso o vocalista de uma banda, quando o mesmo precisou se ausentar devido a necessidades fisiológicas. Uma pessoa da plateia, ao vê-lo cantar, convidou-o para ser vocalista em sua banda. Quando o baixista da referida banda saiu, Chorão veio a conhecer Champignon, o novo baixista, uma criança de apenas 12 anos na época, formaram então a banda What's Up. Tempos depois, Chorão e Champignon decidiram convidar o baterista Renato Pelado, egresso de bandas da cidade como Ecossistema, Jornal do Brasil, entre outros projetos. Mais tarde, Marcão e Thiago Castanho completaram a primeira formação da banda Charlie Brown Jr.
A banda, ainda sem nome, continuou a se apresentar na cidade. "Fundei e batizei a banda com esse nome em 92. Foi uma coisa inusitada. Trombei (literalmente) com uma barraca de água de coco que tinha o desenho do Charlie Brown, aquele personagem do Charles Schulz, mais conhecido por ser o dono do Snoopy. E o "Jr" é pelo fato de sermos filhos do rock", se explica Chorão pelo fato de a banda se considerar "filha" de uma geração de músicos e bandas como Raimundos, Nirvana, Red Hot Chili Peppers, Nação Zumbi, e Planet Hemp. A sonoridade do grupo tinha influências de grupos como Sublime, Bad Brains, 311, misturando hardcore, skate e reggae. O vocalista da banda, Chorão, é skatista, chegando a figurar nas melhores posições do ranking de diversos campeonatos brasileiros, e costuma apresentar-se nos shows em cima de um skate. Por volta de 1993, já com esta formação da banda, eles começaram a tocar no circuito underground de Santos e São Paulo e a fazer shows em vários eventos de skate. As primeiras apresentações do quinteto aconteceram em Santos e São Paulo, especialmente em campeonatos de skate.
Uma fita demo foi entregue a Rick Bonadio, presidente da Virgin Records no Brasil e produtor dos Mamonas Assassinas, que se interessou pelo grupo e os contratou. De uma demo de três faixas surge o primeiro disco do CBJr, produzido por Tadeu Patolla e Rick Bonadio com o selo da Virgin. Nasce então o álbum Transpiração Contínua Prolongada, tem esse nome por realmente retratar tudo que a galera passou para chegar onde chegaram. O álbum foi produzido por Tadeu Patola (ex-Lagoa 66), o álbum é bem recebido pelas rádios com as faixas "O Coro Vai Comê!", "Proibida pra Mim (Grazon)", "Tudo que Ela Gosta de Escutar" e "Gimme o Anel", vendendo 500 mil cópias. Na época, o baixista Champignon era menor de idade. Consequentemente, sempre que a banda se apresentava em casas noturnas, era necessária uma autorização judicial para que o jovem baixista acompanhasse o grupo.

[editar] Repercussão comercial

De 1999 a 2006, a canção "Te Levar" foi tema do seriado Malhação, da Rede Globo, fazendo com que a banda abrangesse seu trabalho às mais diferentes classes sociais. Com sua propagação na mídia, a banda ganhou vários prêmios e chegou assim, por várias vezes, ao topo de grandes rádios espalhadas pelo país. Em 1999, após a estreia promissora, o grupo voltou com Preço Curto... Prazo Longo, composto por 25 canções inéditas, entre elas "Confisco", "Zóio de Lula", "Te Levar", "O Preço" e "Não Deixe o Mar te Engolir", que sedimentaram a boa recepção da banda e garantiram sua presença nas rádios. Pouco antes de entrar no estúdio para gravar o terceiro álbum, o grupo passou por uma forte crise interna, causada pelas brigas entre Chorão e Champignon, que quase encerrou a carreira.
Apesar das dificuldades, a evolução da fórmula hip hop/reggae/hardcore continuou em Nadando com os Tubarões, lançado em 2000, cujos destaques foram as faixas "Rubão - O Dono do Mundo" e "Não é Sério". O disco marcava a entrada de DJ Anderson Faria como acompanhante fixo da banda e revelava uma aproximação com o rap paulistano, explícita em "A Banca", com participação do grupo RZO. No fim do ano, o Charlie Brown Jr. decidiu, junto com outras bandas, não participar do Rock in Rio - Por um Mundo Melhor por discordar do tratamento dispensado às bandas nacionais.
No fim de 2000, o guitarrista Thiago Castanho deixa o grupo, alegando divergências pessoais. No mesmo ano, porém, a banda vence o Video Music Brasil, levando o prêmio "Escolha da Audiência" pelo clipe de "Rubão". Como um quarteto, o Charlie Brown Jr. assinou com a EMI para lançar 100% Charlie Brown Jr. no final do ano, com canções totalmente inéditas. As faixas de maior destaque foram "Hoje eu Acordei Feliz" e "Lugar ao Sol". Em abril de 2002, uma apresentação da banda no Rio de Janeiro acabou em tumulto generalizado. Devido a uma briga, os integrantes da banda saíram do palco antes do previsto, causando revolta na plateia. Lojas e lanchonetes do parque Terra Encantada foram depredadas. Não houve feridos graves.
O título do quinto álbum, Bocas Ordinárias, se apropriou de uma expressão lusitana, devido ao sucesso do grupo em apresentações realizadas em Portugal. A fusão de hardcore, rap e reggae gerou novos hits como "Papo Reto (Prazer é Sexo, O Resto é Negócio)" e "Só por uma Noite", "Bocas Ordinárias", "Guerilhas" e "Somos Poucos mas Somos Loucos", além de uma versão de "Baader-Meinhof Blues", da Legião Urbana.

[editar] Álbum acústico

Em 2003, chegou a vez do Charlie Brown Jr. gravar seu Acústico MTV. Entre os convidados, o grupo chamou Marcelo Nova e Marcelo D2, que participaram de versões de "Hoje" (Camisa de Vênus) e de "Samba Makossa" (Chico Science & Nação Zumbi), respectivamente. Entre as regravações, a banda santista optou pelas canções "Proibida pra Mim", "Zóio de Lula", "Tudo que Ela Gosta de Escutar". O primeiro single foi a canção inédita "Vícios e Virtudes". O disco foi marcado pelo grande sucesso de vendas e mídia e, curiosamente, foi gravado enquanto a banda estava no auge da carreira, contrariando a tradição de retomar ao auge carreiras de outros artistas.
Durante a turnê acústica, em 2004, Chorão se desentendeu com Marcelo Camelo, do grupo Los Hermanos, quando as duas bandas se encontraram no aeroporto de Fortaleza antes da apresentação das mesmas no festival Piauí Pop daquele ano. O motivo teria sido uma suposta crítica à participação do Charlie Brown Jr. em um comercial para a Coca-Cola. O vocalista do grupo carioca processou Chorão por danos morais decorrentes da agressão, sem êxito, visto que foi imputado a este culpa concorrente pelo acontecido.
Após mais de dois milhões de álbuns vendidos, o Charlie Brown Jr. lança em 2004 o sétimo disco da carreira, Tâmo aí na atividade, sendo este o sexto álbum de estúdio.

[editar] Nova formação

No início de 2005, o vocalista Chorão foi surpreendido com o anúncio de que Marcão, Renato Pelado e Champignon estavam deixando o grupo, alegando divergências musicais. Contrariando as expectativas, Chorão apareceu com uma nova formação para o Charlie Brown Jr. O novo núcleo era baseado na cidade de Santos, onde a banda surgiu. Thiago Castanho, guitarrista que fez parte dos três primeiros discos da banda, retornou ao grupo. Dois novos músicos assumiram, respectivamente, a bateria e o baixo; André Ruas, conhecido como Pinguim; e Heitor Gomes, filho do contra-baixista Chico Gomes.
André Luís Ruas, o "Pinguim", ganhou seu apelido porque, quando mais novo, usava uma camiseta da marca de sorvete "Pingolé". Sua experiência musical vem da noite santista, tendo trabalhado com Thiago Castanho antes de ambos entrarem para a banda. Pinguim também era o responsável pelo beatbox que até então acompanhava os vocais de Chorão nas músicas do Charlie Brown Jr.. Depois dos ensaios com o repertório antigo e depois de alguns shows em vários locais do país, Chorão, Thiago, Heitor e Pinguim fortaleceram os vínculos e encontraram a sintonia necessária para criar novas músicas.

[editar] Imunidade Musical (2005-2007)

O álbum Imunidade Musical é lançado em 2005 com destaque para o primeiro single "Lutar pelo que É Meu", além de "Cada Cabeça Falante tem sua Tromba de Elefante", com as participações de Rappin Hood e Parteum, do Mzuri Sana. Ainda neste ano, o Charlie Brown lança o DVD Skate Vibration, que mostra imagens da banda se apresentando em disputas de skate e imagens nos estúdios Digital Grooves e Midas Studios, onde gravaram o disco.
No DVD, além de uma apresentação ao vivo, estão os videoclipes que misturam imagens da banda Charlie Brown Jr. nos shows realizados em 2005, nas viagens e durante as gravações de seu oitavo álbum. Imunidade Musical, no qual a sonoridade do Charlie Brown Jr. foi restabelecida através de 23 faixas, se tornou um álbum emblemático na trajetória da banda. A canção "Lutar pelo que É Meu" substituiu "Te Levar" na abertura do seriado Malhação, de abril de 2006 até outubro de 2007.

[editar] Ritmo, Ritual e Responsa (2007-2009)

O nono álbum da carreira lançado pelo Charlie Brown Jr. se chama Ritmo, Ritual e Responsa. O disco traz 22 faixas inéditas e uma faixa bônus, e chegou às lojas no final de setembro de 2007. Produzido por Chorão e Thiago Castanho, o nono da carreira, possui letras com forte apelo urbano e que vão de encontro aos anseios da juventude, riffs poderosos, bateria e baixo, com direito a toques eletrônicos e à presença do rap.
No dia 9 de abril de 2007 chegou às rádios do Brasil "Não Viva em Vão", canção de Chorão e Thiago Castanho que foi escolhida como primeiro single. Logo em seguida é lançado o segundo single, "Pontes Indestrutíveis", cujo a banda também gravou um videoclipe da música, sendo mais um dos destaques do nono álbum. O terceiro single lançado foi "Be Myself", que também foi escolhido para fazer parte da trilha sonora da telenovela Duas Caras, exibida pela Rede Globo. Destaque também para o quarto single do álbum, "Uma Criança com Seu Olhar".
No dia 23 de abril de 2008, foi divulgado no site oficial que o baterista André Ruas, o Pinguim, não fazia mais parte da banda. O motivo seria o fim do contrato que já estava se aproximando, sem que houvesse interesse de ambas as partes em renová-lo. Para o lugar de Pinguim, entrou Bruno Graveto, também de Santos.

[editar] Camisa 10 (Joga Bola até na Chuva) (2009-atualmente)

Depois de sete anos na EMI, a banda muda para a gravadora Sony Music. Com a produção de Rick Bonadio, que produziu bandas dos anos 1980, como Ira! e Titãs, artistas da mesma geração do Charlie Brown, como o Tihuana e CPM 22, e bandas da nova geração, como NX Zero e Fresno, a banda lança o álbum Camisa 10 (Joga Bola até na Chuva). O nome "Camisa 10", é um trocadilho por este ser o décimo álbum da banda. É o primeiro com o baterista Bruno Graveto.
O disco possui a canção "O Dom, a Inteligência e a Voz" feita a pedido da cantora Cassia Eller, que Chorão fez para entrar no disco que a cantora iria fazer em 2002. Mas, 15 dias após a criação da música, Cássia faleceu. A canção "Me Encontra", foi lançada como primeiro single do álbum no final de julho de 2009.

[editar] Integrantes

[editar] Linha do tempo


[editar] Chorão

Vocalista, está na banda desde 1992, o apelido de Chorão, que na verdade se chama Alexandre Magno Abrão, vem do skate. Certo dia, ele viu os amigos andando de skate, e um deles passou por ele e, para sacaneá-lo, dizia "não chora!", já que Chorão ainda não sabia andar. Após ter aprendido o esporte, o vocalista participou de várias competições, chegando ao vice-campeonato paulista, e acabou ficando com o apelido.

[editar] Thiago Castanho

Guitarrista, Thiago Castanho entrou no Charlie Brown Jr., em 1994 e, depois de tocar nos três primeiros discos, se desligou da banda em 2001. Antes de voltar e assumir definitivamente as guitarras do Charlie Brown Jr. no ano de 2005, Thiago montou o estúdio Digital Grooves em Santos, SP, cursou administração de empresas durante seis meses e gravou um Acústico MTV com a banda Ira!. Thiago também fez parte da banda Aliados.

[editar] Heitor Gomes

Baixista, Heitor Gomes é filho do contra-baixista brasileiro Chico Gomes. Heitor sempre teve o incentivo de seu pai para tocar, e apesar de ser um dos integrantes mais novos do Charlie Brown Jr., tendo entrado na banda em 2005, tem experiência musical de longa data.

[editar] Bruno Graveto

Baterista, entrou na banda no ano de 2008, toca desde os 12 anos. Antes de entrar no Charlie Brown Jr. tocava em outras bandas; Pipeline e O Surto. Tocou também com o Baixista do Charlie Brown, Heitor Gomes em uma banda chamada Fusion.

[editar] Anteriores

[editar] Discografia

[editar] Álbuns de estúdio

[editar] Ao vivo

[editar] Coletâneas

[editar] DVDs

[editar] Prêmios

[editar] VMB

  • 1998 - Banda Revelação: "Proibida pra Mim"
  • 2001 - Escolha da Audiência: "Rubão, o Dono do Mundo"
  • 2001 - Melhor Videoclipe de Rock: "Rubão, o Dono do Mundo"
  • 2003 - Escolha da Audiência: "Papo Reto (Prazer É Sexo, o Resto É Negócio)"
  • 2003 - Melhor Videoclipe de Rock: "Só por Uma Noite"

[editar] Grammy Latino

  • 2005 - Melhor Álbum de Rock Brasileiro: "Tâmo aí na atividade"

[editar] Multishow

  • 2007 - Melhor Canção: "Senhor do Tempo"
  • 2008 - Melhor Videoclipe: "Pontes Indestrutíveis"

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Pensamento do Dia!

Quem nunca ralou de servente de Pedreiro Que carregue a 1° lata!

domingo, 9 de maio de 2010

Aki estou de volta com melhor do humor!

aki estou contra Gleisson meu parceiro ,isso mesmo eu o dono do blog numa batalha,
BATALHA do vc e tão feio